30.12.08

* You can be anything you want to be .
. Just turn yourself into anything you think that *
* you could ever be .

be free with your tempo
. be free
be free .

Surrender your ego
. be free
be free .

To yourself !

Felice Anno Nuovo Essere Umani Carini :)

26.12.08

Hoje ocorreu una cosa através da qual acabei lembrando de uma certa vez, há tempos atrás. Na época, eu não bebia, e um ser humano me disse uma observação deveras interessante :

- Ana, você é o Obelix do álcool.


Primeiramente me ofendi. 
- Quê ? Você quer dizer que eu sou uma ruiva obesa carregadora de garrafas pesadas de álcool ?

Mas depois veio a justificativa:
- Não, minha cara. É porque você caiu num caldeirão de álcool quando bebê e por isso, hoje em dia, tu não precisas mais beber pois já ficas freak sozinha.

- Ah... tá. Brigada pela menção, acho.

Tudo bem que o fato que me fez lembrar tal situação hoje já remete mais a questão de "porque bebes se já és freak sem nada ?" , mas sabe como é, ano novo chegando, os espíritos natalinos do passado, presente e futuro visitando, enfim, vou falando, vou falando.

amém.

25.12.08

More More More * ~ .

Cara, QUE agoniento. É o tipo de filme que faz você querer acordar logo de tal pesadelo, sabe ? No susto. O problema é que, principalmente para o irmão bonzinho, a estória só fica no susto susto susto, e ele nunca acorda ! Me lembrou um pouco do filme do Woody Allen, O Sonho de Cassandra.

BREGA ! Mas foi um filme ganhado pelo meu pai-psiquiatra do hospital, então, como pude notar, vale para analisar a doença da Sigourney Weaver. Fora isso, thriller legalzinho que tem momentos que dá aquela vergonhazinha alheia com vontade de rir.

MUITO BOM ! Exageros a parte, dá o frio na barriga com o equilíbrio necessário de não perder a magia de um bom filme amedrontador.

Doidãoooo ! Sem sentido. Coisas pequenas que ficam obesas. Ninguém aparentemente entende como algo tão desconexo tá causando tanto barulho. A não ser nós, assistidores de tal película. Acho válido. Ps: para o Brad Pitt que apesar do tempo, pode sempre estereotipar o americano gatão e fútil com cabelo aloirado :o.
E viva a coleção de filmes válidos da Veja ! Tem trazido filmes idosos com valor para nós seres-geração-internet ! Gosto dessas coisas complexas e corruptas onde a sociedade vida real é revelada sabe ? ai ai !

Reassisti. Merecia. Tipo de filme que me faz soltar um aaaaaAAAAH a cada minuto. Haja coração para tal solidão. E lágrimas, I must say.

Pronto. Agora vou ao cinema. Un bacio
De alguma forma que só a vida faz, três pessoas as quais admiro consideravelmente por algumas características de como levam suas existências, me chamaram a atenção para um simpático ser humano chamado Steve Jobs.



Como estamos em climas "resolução para o novo ano que surge, vou colocar aqui um video aconselhado, seguido de um grifo interessante também já mencionado:



"Sometimes life's going to hit you in the head with a brick. Don't lose faith. I'm convinced that the only thing that kept me going was that I loved what I did. You've got to find what you love, and that is as true for work as it is for your lovers. Your work is going to fill a large part of your life, and the only way to be truly satisfied is to do what you believe is great work, and the only way to do great work is to love what you do. If you haven't found it yet, keep looking, and don't settle. As with all matters of the heart, you'll know when you find it, and like any great relationship it just gets better and better as the years roll on. So keep looking. Don't settle."

"When I was 17 I read a quote that went something like "If you live each day as if it was your last, someday you'll most certainly be right." It made an impression on me, and since then, for the past 33 years, I have looked in the mirror every morning and asked myself, "If today were the last day of my life, would I want to do what I am about to do today?" And whenever the answer has been "no" for too many days in a row, I know I need to change something. Remembering that I'll be dead soon is the most important thing I've ever encountered to help me make the big choices in life, because almost everything--all external expectations, all pride, all fear of embarrassment or failure--these things just fall away in the face of death, leaving only what is truly important. Remembering that you are going to die is the best way I know to avoid the trap of thinking you have something to lose. You are already naked. There is no reason not to follow your heart."

"Stay Hungry, Stay Foolish"

ps: alguém já se perguntou o que é F.Y.D ? :)
Amém.

23.12.08

As pessoas avisam né.
O que os olhos não vêem, o coração não sente ! Hihi.

Eles viram. Só pensem no coração.

No começo de uma semana :
- Oh My Eyes, My Eyes !!

No final da mesma semana :
- Oh NOT again ! My EYES ! MY eyes !

*iniciando um ensaio sobre a cegueira*

17.12.08

a situação econômica brasileira se encontra de forma academicamente deplorável no horizonte. sim, amarula está na parte interna do bombom enquanto o pó de maracujá encontra-se na parte externa. a felicidade não tem a mínima relação com o mundo externo, muitos podem assim entender e fazer de fato funcionar. esquecer. esqueça. fuckin forget it. n don't regret it. já diziam os malemolentes. mas voltando à economia, devo então dizer que sim, este texto é para você. de presente. gratidão, tá ? ouvi também o vento ulular nos céus que time heals, but I'm forever broken. sim, pode-se estar. por questão jogatinativa. imaginativa.. you can be anything you want to be.

amém.

16.12.08

Xmas Time * ~ .

Sugestão de Presente Adorável :


Making Of :


15.12.08

são possíveis peixes nadando em um mar de impossibilidades

:/

11.12.08

Cara... a morte do . . . (como é que é o nome dele mesmo ?) ex da Suzana Vieira foi a única na minha vida que, quando compartilhada, provocava risadas nos seres humanos.

Que medo.

Chegou ao extremo de eu falar:

- C viu ? Morreu o ... (cara de espanto do interlocutor com direito a um leve gemido) ex lá da Suzana e tal.
- Ah.. ahn ? É ? Rê rê rê que loucura né. Rê rê rê.

Como se trair fosse uma coisa rara na sociedade, praticamente um crime. O cara morre, e os seres automaticamente pensam : "bem feito, cafajeste. rê rê rê".

Eu acharia mais compreensível a indiferença, mas ... rê rê rê ?
Tentaria primeiro o espelho antes de tal rude julgamento da vida alheia.. 

Não tem jeito, que mídia, que mídia, ê lê lê

10.12.08

"Se você não ganha beijo de boa noite, tem sonhos Kafkianos." - Haroldo, do Calvin.

Aparentemente eu tenho precisado de beijos de boa noite.

o.o'
um dos maiores dizeres de Doris na noite foi, ao empilhar seus bombons, ter cantarolado, simplesmente :

"obesidadeeee, obesidadeeee, obesidadeeee para toda eternidadeeee"

Algo com direito à encenação, para publicar tal expressão de angústia, resultando em risadas, aplausos e agradecimentos por tal momento grandevole.
Ele deu para ela vibrações sonoras que iriam embalar seus sonhos

cha la la ²

9.12.08

Hoje a quotar seres para sentimentar-me:

"So bitter sweet, this tragedy" (Axl novo :D)

A partir daqui, muita Lispector (vale a pena, juro, dou um braço):

".. uma das coisas que aprendi é que se deve viver apesar de. Apesar de, se deve comer. Apesar de, se deve amar. Apesar de, se deve morrer. Inclusive muitas vezes é o próprio apesar de que nos empurra para a frente. Foi o apesar de que me deu uma angústia que insatisfeita foi a criadora de minha própria vida. Foi apesar de que parei na rua e fiquei olhando para você enquanto você esperava um táxi. E desde logo desejando você, esse teu corpo que nem sequer é bonito, mas é o corpo que eu quero. Mas quero inteira, com a alma também. Por isso, não faz mal que você não venha, espararei quanto tempo for preciso."

"Suponho que me entender não é uma questão de inteligência e sim de sentir, de entrar em contato... Ou toca, ou não toca."

"Até cortar os próprios defeitos pode ser perigoso. Nunca se sabe qual é o defeito que sustenta nosso edifício inteiro"

"Saudade é um pouco como fome. Só passa quando se come a presença. Mas às vezes a saudade é tão profunda que a presença é pouco: quer-se absorver a outra pessoa toda. Essa vontade de um ser o outro para uma unificação inteira é um dos sentimentos mais urgentes que se tem na vida."

"Eu não sou promíscua. Mas sou caleidoscópica: fascinam-me as minhas mutações faiscantes que aqui caleidoscopicamente registro."

"E se me achar esquisita,
respeite também.
até eu fui obrigada a me respeitar."

"Olhe, tenho uma alma muito prolixa e uso poucas palavras. 
Sou irritável e firo facilmente. 
Também sou muito calmo e perdôo logo. 
Não esqueço nunca. 
Mas há poucas coisas de que eu me lembre."

"O que obviamente não presta sempre me interessou muito. Gosto do modo carinhoso do inacabado, do malfeito, daquilo que desajeitadamente tenta um pequeno vôo e cai sem graça no chão."

"Divertir os outros, um dos modos mais emocionantes de existir."

"Não é que vivo em eterna mutação, com novas adaptações a meu renovado viver e nunca chego ao fim de cada um dos modos de existir. Vivo de esboços não acabados e vacilantes. Mas equilibro-me como posso, entre mim e eu, entre mim e os homens, entre mim e o Deus"

"...Que minha solidão me sirva de companhia.
que eu tenha a coragem de me enfrentar.
que eu saiba ficar com o nada
e mesmo assim me sentir
como se estivesse plena de tudo"

e por fim, um certo clichê, porém não menos importante :

"Já chamei pessoas próximas de "amigo" e descobri que não eram... Algumas pessoas nunca precisei chamar de nada e sempre foram e serão especiais para mim.
Não me dêem fórmulas certas, porque eu não espero acertar sempre.
Não me mostre o que esperam de mim, porque vou seguir meu coração!
Não me façam ser o que não sou, não me convidem a ser igual, porque sinceramente sou diferente!
Não sei amar pela metade, não sei viver de mentiras, não sei voar com os pés no chão.
Sou sempre eu mesma, mas com certeza não serei a mesma pra SEMPRE! 
Gosto dos venenos mais lentos, das bebidas mais amargas, das drogas mais poderosas, das idéias mais insanas, dos pensamentos mais complexos, dos sentimentos mais fortes.
Tenho um apetite voraz e os delírios mais loucos. 
Você pode até me empurrar de um penhasco q eu vou dizer: 
- E daí? EU ADORO VOAR!"

chalala

4.12.08

algumas vezes, assim, só algumas (mostly), precisamos conversar com quem saiba conversar.

entende ? nada muito complexo. apenas, raro.

seguiremos fortes.
o que mais ?

3.12.08

Doris queria dizer algumas coisitas.
Dessas que não foram feitas para serem ditas, somente internalizadas, artezadas, enfim.

Mas Doris tem uma impulsividade, uma certa falta de controle quando o excesso de sentimentos começa a incomodar seu frágil pulso.

E Doris então disse.

Deveria a dor do pulso de Doris ter se aliviado após tal soltar de palavras aprisionadas ?

Ao transbordar o sentimento para o lado errado, fez aparentemente a maré de emoções agora enfurecidas retornar para, então, mais doer.

Doris a havia antecipado. Doris.. por que, oh Doris ?

2.12.08

serei eu e os gatos
gatos de papel
pois tenho alergia

e tb porque não quero que meu corpo termine como alimento deles,
me simpatizo mais com as bactérias, não sei exatamente o motivo

(freakin'out)

1.12.08

Toda manhã, eu acordo e morro un poquito- Mal posso me sustentar pelos meus pés

somebody, uh, somebody. Can anybody ..

Eu trabalho duro, todos os dias de minha vida - até os meus ossos doerem
e no fim do dia, eu levo pra casa meu pagamento suado sozinha

somebody, uh, somebody. Can anybody find ... ?

Todos os dias, eu tento, tento, tento ... mas todos querem me colocar para baixo e dizem que estou ficando louca. Dizem que tenho muita água no cérebro, que não tenho senso comum. Não tenho mais em quem acreditar.

somebody, uh, somebody. Can anybody find me ... ?

Não sinto mais, tô sem ritmo, e continuo perdendo minha batida. Sim, tô okay, tô legal, não irei me render bocómente assim. Eu tenho é que sair dessa prisão, um dia, eu serei livre, senhor.

Find me . somebody to love, find me somebody to love, find me somebody to lovefindmesomebodytolove.somebody.find.me.somebody.

can anybody find me somebody to love ?

.oneofthesedaysoneofthesedays.

28.11.08


:D
. a magia do macarrão com azeitona das sextas .

:)
Humor
Em 2050 o Brasíl terá 7 milhões de mulheres a mais do que homens

Argh ? E quem classifica isso como humor ? Aposto que foi um homem sádico. Meus planos de, ahn, cof, cuidar de coelhinhas em massa (todo cuidado agora é pouco na internet) deverão entrar em ação o quanto antes.

Aparentemente os homens não sabem se cuidar, e ainda resolvem guerrear suicidamente. Medidas drásticas devem ser tomadas.

E se você é mulher, junte-se também a essa campanha do em massa. Se eu falecer numa campanha alheia, antes parar de existir do que persistir num mundo futuro de caos como esse. Sério, ia ser muita tpm, insatisfação, falação infinita, comidas mil (elas estariam desesperadas a tentar impressionar os homens restantes, deixando todo mundo gordo @.@, tipo Wall-E), traição, poligamia, cabelos, água acabando com os banhos infinitos, emocionais exagerados e vãos... ENFIM ENFIM. 

>.<

27.11.08

Império dos Sonhos * ~ .


Não tinha nome melhor. Filme de 3hrs. Você simplesmente não precisa dormir, pois todos os sonhos que você poderia ter em uma noite, estão contidos neste filme. Tão sem nexo quanto. Tão freak e assustador quanto. Por exemplo, a figura a seguir :

O que ela aparentemente tem a ver com a estória, que diz respeito a um casal escalado para elencar um filme, com foco principal na moça em questão, e que tudo se confunde entre a realidade e a gravação da película ? Nada, não é ? Pois é simples assim, realmente não tem nada a ver. Ou tem, para aqueles que penetram as profundezas da mente humana com suas trilhões de interligações, por fim. Filme que nos faz morrer de rir, morrer de desentendimento, se sentir em um sonho e ter medo. Sim, muito medo.

 "Momento do filme no qual eu e minha irmã nos grudamos via unha, tipo gato"

David Lynch, diretor de coisas suculentas tipo Twin Peaks e Cidade dos Sonhos, manteve conquistado o meu coração. Recomendadíssimo :D

24.11.08

"Se existisse tal coisa como um besouro típico, para muitos de nós ele seria a joaninha. Admiramos o corpo colorido delas, supõe-se até que elas sejam amuletos de sorte. Mas o que muitos de nós não sabemos, é que elas também são assassinas formidáveis."

Eu sempre soube. Aquela capa brilhante já me enganou quando eu era um ser criança (costumava preferir a azul brilhante), a vermelha de bolinhas pretas também. Porém, em dias antigos, quando ela estava pousada no meu dedo simpaticamente e resolveu alçar vôo com destino voltado para o horizonte, pude descobrir seu real corpo negro.

só não sei o que há de formidável nisso.

comprovem.
:|

ps: e por Deus, e o besouro-tigre ? E O BESOURO-TIGRE ? Os besouros-soldados não serão mais suficientes. >.< e a sua larva, q é a versão microscópica do Worm do Dune ? :O !!
"Caramelo por ele mesmo: “sou um ser vivo, arrebatado, infinito, que, por isso mesmo, não caibo em mim – a não ser quando me enrolo e viro uma bolinha”."

Interessante filosofia a deste simpático caramujo, a qual é altamente cabível para almas artistas cujo o corpo também pode virar bolinha. Obrigada, Caramelo.

23.11.08

er.
cof.

como eu ia dizendo, às vezes ficamos muito óbvios.

página seguinte.
amém.

21.11.08

e aparentemente, ele não sabia oq estava fazendo.

*continuação - tipo de um filme

20.11.08

cem trilhões de afazeres insanos e simplesmente o gmail inventa de ter themes com várias cores diferentes, sendo que alguns mudam de acordo com o horário do nosso caro dia.

QUE VICIANTE E INDECISANTE !

can't let go. lilás gaaay, rosa porpurinaaa, sorveeteee, giraaafaaaa !

:|

agora, finalmente após decidir uma cor momentânea para o meu (sim, tenho que esperar anoitecer para ver como é o praia noturno), corro para outro afazer.

e eu poderia ter respirado ou lido algo útil.

brigada, gmail.

16.11.08

Hino atual das cigarras:

"Feel the city breakin and everybody shakin,
And were stayin alive, stayin alive.
Ah, ha, ha, ha, stayin alive, stayin alive.
Ah, ha, ha, ha, stayin alive"
Ela sonhou com ele.

E no sonho, ele era tudo que ela sempre sonhou.

14.11.08

13.11.08

Para o guarda, o palhaço e o puliça.
O Demônio da Tasmânia Caseiro * ~ .

" Wanna play ? "
Por que não, minha gente, uma dupla de dias bem caótica ?

Uma gripe seguida de uma anterior no dia antes de dois bons shows, pessoas que já são naturalmente irritantes terem, sem motivo aparente, se tornado mais intensas em sua arte, uma batida estúpida de carro, um guarda de trânsito, um palhaço vendedor de pirulitos e um policial terem pedido que eu colocasse o cinto de segurança (argh, prisão aquela tira em nosso peito, e outra, nunca foram tantos pedidos em tão pouco tempo, tô com um leve medo doq o destino pode doar para mim), um excesso não aguentável de atividades e por fim, se tornar madrinha de algo em que vc queria ser a que tem as madrinhas, sabe ?

SABE ?

Agora intensifique o seu saber com uma dose básica de tpm.

e é por isso que nessas fases femininas, temos o direito de assassinar seres humanos.

Eu estou escolhendo o meu modelo. O sangue tem que combinar com o assoalho, essas coisas.

um beijo.
Cof * ~ .

Seguindo a seqüência da locação afortunada, porém apressada :


Ah. Quando eu crescer (sim, meu próximo crescimento será a da fase idosa), quero ser tão sagaz, viva, simpática e inteligente quanto a Mrs. Henderson. Que fofa, carácoles. Tudo bem, talvez um pouco menos arrogante, mas tão rica quanto não faria mal. Eeee.

Que nervoso do ser com cabelo de cuia negra e grandes olhos. Sério. Um animal faminto. Ahn... digamos que resume muito homens como animais inquietos, guerreadores e justamente por isso que esse mundo está super povoado de mulheres. Obrigada.

10.11.08

Addicted * ~ .


Caraca, dei muita sorte nos filmes dessa leva de aluguel em massa de dvds ! Entretenedoooor ! É baseado em um mágico que existiu na vida real. O cara era muito sagaz e disciplinado, e o mais foda (parem de ler os que vão ainda assistir e gostam de surpresinha), é que quando ele morre, não é por falha no trabalho dele e sim por abordagem maldita alheia. 


Excelente filme para quem gosta(va) do jogo Phantasmagoria ! E também para quem não gosta(va), vai. Nham suspense suculento, e com crianças ! :O ! s2

9.11.08

O toque do celular da minha empregada é de cigarra ! @.@

Ele começa com um encorpado e grave "có có có có có có" para virar o famoso " cócócócó - óoooooooooooooo", das cigarras maiores e mais horrendas.

Havia tempos que queria compartilhar isso com vocês, mas aparentemente toda vez que o celular toca, ele me provoca uma série de reações psicológicas traumáticas que me fazem simplesmente esquecer por muito tempo o que devo fazer em seguida, seja almoçar, seja musicar, seja escrever no blog.

Agora está oficialmente registrado.

E questiono seriamente,

conspiração ? :|
Tipo que * ~ .


Ah. Comovente. Sério. Músicas lindas. Talento mútuo. Uma coisa deveras mágica de companheirismo entrosado raro de fato na vida humana, mas que quando ocorre... ah :~ ! Apenas uma vez.

Tipo que, carácoles. Eu quero um pai e filho assim para minha vida. Tudo bem que pude adquiri-los momentaneamente em um filme, mas seria com eles sempre ao redor que daria aquela força para não doer tanto ser, digamos, um ser marciano ! :~²


Na minha pesquisa de seres humanos, seguindo a série de livros indicados por um ser igualmente pesquisador (como o de arquétipos e a filha do herói), agora li esse, que apesar de mais simples, não perde seu caráter de leitura interessante e rápida (tipo um espirro). Além de descobertas científicas de nossas diferenças, descobri também que vários cérebros ao meu redor não necessariamente correspondem ao seu corpo. Tipo o meu que aparentemente é masculino, thanks.

4.11.08


na mostra de episódios, percebemos momentos os quais simplesmente notamos que a felicidade é possível nas suas mais variadas formas.

sempre foi, o ser Salad, amor da minha vida, mas nunca tinha jogado ele para uma devida compartilhação a la casamento aberto.

espero que o degustem com moderação e me ajudem na torcida para novos episódios.

take care
Bom, agora que terminei, confesso que estou com muito sono e as idéias se encontram em câmera lenta.

Mas mesmo assim ressalto que o livro é adorável, que desperta a vontade de ter e efetivar pensamentos ousaaaados, e de fato fazer aquela diferença positiva para você e o seu meio.

Empresário de visão ampla e de atraente poder de inovar em prol do bom funcionamento geral da sociedade.

Muitos seres falam que o livro é meio auto-promoção, auto-elogiador. Mas convenhamos, um cara que não tem a auto estima dele vai ter força para tais inovações sagazes como ? Haha. Fala sério, ele é muito de boa quanto ao quesito humildade e está certíssimo em divulgar suas idéias positivas.


Pois quero ler o outro. Com mais nome de auto-ajuda ainda. Espero q não pensem q eu sou depressiva ou algo do gênero.

Cara, momento de idéias - MILHARES de idéias - correndo de forma acelerada, querendo porque simplesmente querem ser expostas.

pois bem aqui me encontro com umas cinco páginas para terminar o sensacional livro do Ricardo Semler (ou sensacional homem?) que tem nome de livro de auto-ajuda. Um outro dele também tem nome assim. Você está louco e Virando a própria mesa, respectivamente.

vou terminar, pera. já termino o vômito.

29.10.08

Campanha Faça Você Também Parte da Extinção das Cigarras :

- Atente para todos os itens contra o aquecimento global. Precisamos de chuva, pois com ela, as cigarras se vão mais cedo sem motivo aparente.

- Derrube as árvores brasilienses. Parece contraditório com o item anterior, mas note que proponho uma derrubada consciente. Cada árvore caída em bsb, deverá ser plantada ao redor da cidade. Só por uns tempos.

- Todo o chão de terra deverá ser 'tampado', para que de fato sejamos a "cidade de concreto".

- Soltem seus pássaros-grande-o-suficiente-para-comerem-cigarras. Sei que já deviam ter feito tal coisa, porém agora, mais do que nunca.

- Os casais devem procriar. Cadê as crianças catadoras de cigarras que tanto haviam na minha época ? Jesus.

Agradeço a atenção.

I'm dreaming of a grey wednesday !

.Q.U.E.C.A.L.O.R.

ps:
- meus bonecos do kinderovo que mudam de cor com o calor da fricção dos dedos em suas partes estão todos mudados de cor naturalmente. freak.
- não há mais a necessidade de ligar a eletricidade para a água sair quente, experimente.

medo ?

get the fuck out of my heart

:|

cómufás?

27.10.08

Algumas coisas simples são fortemente difíceis.

Paradoxal mas factual.

Atitudes que não cabem em uma convivência social, por exemplo. Por mais burocrático e chato e bla bla bla que qualquer um queira anarquicamente mencionar, é uma verdade ! Tem atitudes que não cabem em um meio social, o que pode até mudar com o tempo de acordo com uma série de fatores, mas em determinado momento aquilo simplesmente é. Simples, não é ?

Pois não. 

Vamos falar de maçãs. Digamos que há uma maçã que quer caber em um meio social, um cesto, mas não quer adaptar suas atitudes. E fica ali no meio. Meio podre.

Ela era de fato uma maçã bonita e atraente, por isso até bem quista pelo cesto em questão. Porém, uma que queria se manter fedida. Os atuadores do cesto se incomodaram com o odor e coube a eles formular a decisão de jogá-la para fora. 

E ela que até queria estar ali com eles também, afinal o cesto era produtivo e a adaptação de cheiro não a feria, de fato. Era puro fanfarronismo, pura simplicidade de querer estar ali mas não ser atriz e modificar-se, sabe ?

Aí foi vomitada do cesto, simplesmente. Era claro que ela ali não cabia, afinal.

Era simples para ela ser uma maçã cheirosa ao olfato do cesto, difícil foi fazê-lo efetivamente.
Simples era a decisão de sua remoção. Tão difícil foi executá-la.

entende ?
:~
Não, seres. As cigarras não me levaram na vida real, apesar de elas ainda estarem fazendo parte da minha existência de forma intensa e aparentemente não quererem deixar a cidade. Elas E as baratas, obrigada.

Estou por aqui sim. Com muito calor, como muitos brasilienses. Acordando dentro de um forno, ao som de insetos apocalípticos ainda, sim.

Delírios sobre os coros do musical do Queen advém durante tal processo sonoro. Pensamentos sobre placa de áudio, powerclick, sullivans e mary bredams flutuam em minha mente que atualmente também se encontra gripada, gripando também as cordas vocais que agora tossem. Cof.

Cof.

A gravidez do salmão já deus seus frutos e atualmente tudo é festa. Mentira. Tudo é calor. Só calor.

Calor de Rio de Janeiro. Não. Pior, pois ao menos o calor do RJ é úmido e com praia E sem cigarras. Oh Deus, oq fizemos de errado ? Bwaaah Bwaaah.

Dessa vez assumo que isso não foi um vômito textual baseado no vinho, porém só e somente baseado no super aquecimento do ar que cerca meu corpo e o de demais habitantes da cidade, sugando nossa água, assim como o álcool o faz.

ps: Dá-lhe dá-lhe nenseee, vamos gaaaanhar. sou do time tantas vezes campeãaao. lalala
ps2: Os comentários voltaram. Momentaneamente. É pq uma ou outra mosca queria demonstrar opinião, e eu devo admitir que acho isso fofo.

me esvaio.

Ana di Vaio

22.10.08

Constatação : cabelereiros de um modo geral não sabem pintar um cabelo de vermelho / ruivo

Sim, porque, convenhamos, a quantidade de vinho bizarro que eu já ganhei após pedir um vermelhão lindo e também que já vi em demais seres humanos pelas ruas que se dizem ruivos, não está no gibi !

Eu, ingênua, achava que havia finalmente encontrado a cabelereira da minha vida no ramo atualizadora de raízes cor-ruivo-natural na base do tonalizante, afinal ela já havia acertado tal façanha duas vezes. Porém, segue o diálogo:

- Oi ! Vim fazer o mesmo de sempre ! Você lembra as cores dos tonalizantes néee ?
- Mas é claaaaro que sim ! 

cha la la, ambiente comercial de casa feliz.

O cabelo foi pintado, e muitas mulheres sabem como o processo é chato. Você sabe que seu cabelo está morrendo, que ele está sendo sufocado pela tinta, que você vai ter que hidratá-lo depois, que sua escova progressiva vai ficar esquisita, fora a grana e tempo investidos, enfim, mil coisas. Mas tudo por uma boa causa. Você terá a SUA cor.

Então, o cabelo foi lavado. Após sair do lavabo, notei que ele estava mais escuro, mas torci para que fosse apenas a impressão que o cabelo molhado normalmente dá.

O cabelo é secado. A cor vinho grita e diz que veio para ficar.

GODAMN IT .

A sorte do pescoço da cabelereira em questão é que era tonalizante, e por isso, após 3 lavadas ele já se encontra num vermelho mais aberto, mas na hora, PQP de DEJAVU maldito ! (desculpa, mas a necessidade de descarregar é necessária).

Do they always have to screw it up ?

:|

I rest my case. adeus. adeus.

21.10.08

Querida Qui,

As cigarras parecem estar estabelecendo um acordo de paz com os céus. Você pode notar, Qui, que tuas páginas se encontram mais úmidas graças a presença de chuva em nossa cidade. 

Ainda não descobrimos exatamente o motivo de tal acontecimento, mas arrisco dizer que tenha algo a ver com o bafo do Lula.

Devo dizer que finalmente tenho esperanças de caminhar nas ruas sem medo de iminentes debatências plásticas em meu corpo, de xixis decaintes dos céus, de sons ardidos, infernais e estressantes, de ferir meu olhar com criaturas HORRENDAS, de simplesmente ser feliz.

Obrigada, Qui, por me acompanhar durante todos esses terrores.

da sua, Ana

---------------------------------

este foi o último escrito de Ana, quando as cigarras entraram em seu quarto e apenas seu diário foi encontrado. Ana desapareceu justamente 2 semanas antes das cigarras hibernarem terrestremente. God bless her wherever she is.

ps: temática mágica para aqueles que notaram a homenagem parodística ao livro o Diário de Anne Frank :D

----------------------------------

18.10.08

Querida Qui,

As cigarras podem estar acordadas até agora, porém compensatoriamente na minha vida foi introduzido um novo alimento suculento : carne seca com abóbora. Reconfortante.

obrigada, Deus.

da sua, Ana

17.10.08

Querido Diário,

posso te chamar de Quiméria ? Pois bem, Qui, me encontro em casa, isolada pela porta do quarto e janela fechados para tentar me sentir menos cercada de cigarras e seu som do centro da terra.

Resolvi, para lidar melhor com tais traumas, escrever alguns pensamentos aleatórios que me fazem sentir mais forte do que os gosmentos seres:

- Pesquisando pela internet, descobri que a espécie de cigarras pragueando Brasília é a Magicicada. Não é mágico ?

- São só os machos que cantam. O que é teoricamente aliviador a partir do momento que o caos seria duplicado se fossem as fêmeas, e triplicado se fossem ambos. Ufa.

- Dizem que elas 'vivem' dentro da terra por até 17 anos, para depois subirem nos meses quentes e virarem os monstros cantantes que habitam as árvores. Isso torna a existência delas com algum propósito considerável, a partir do momento que elas não vivem só por 1 mês, como muitos seres pensam. Né ? :D

Oi !


- Por isso, considero acimentar todo o solo brasiliense e mantê-lo assim pelos próximos 20 anos, para extinguir tal besta. Vou arrecadar fundos, Qui, me aguarde.

15.10.08

Querido Diário, 

Após conseguir fugir sagazmente das cigarras mensageiras, pude entrar aqui e relatar que ontem a noite, juro, em torno da meia-noite, elas estavam . . . conspirando.

Sim.

Elas estalavam aqueles cantos aleatoriamente, uma comunicando com a outra, em notas variadas. Elas não dormiram a noite inteira.

Nunca havia presenciado tal situação e confesso que fiquei assustada.

Com o pouco que pude aprender com a comunicação cigarrística anterior, consegui ouvir algo sobre o controle delas sobre a escassez da chuva e consequente vitória de sua espécie ao então conseguir existir durante o ano inteiro, e não só na primavera. 

Oh meu Deus. Tremo ao escrever tais palavras.
 
Não sei quanto tempo hei de sobreviver após compartilhar tal informação com você, caro diário, elas parecem estar cientes de tudo.

tudo.

da sua, Ana.

13.10.08

ziiiiiiii.
zi zi ziii zi zi zii !

zo zo zo zo zo zo óoooooooooooh,
zi zi zi ziiiiiru ziiiiru ziiiiru ziiiiru.

cof... diário, as cigarras dominaram tudo e agora elas querem que eu traduza essa mensagem mas elas nunca vão me dobrar ! NUNC

12.10.08

Querido Diário,

Hoje uma cigarra me seguiu até a portaria. Consegui entrar no elevador a tempo, mas não sei até quando hei de resistir.

Pela manhã, uma pequena entrou por uma fresta na minha tela. Coisa que foi de fato anormal. Acho que elas cavucam com suas patas pontudas para forçar a entrada, o que é sinceramente aterrorizante.

Elas me querem, diário, e eu ainda não descobri o porquê.

aguarde notícias,

sua Ana

9.10.08

Querido Diário,

Hoje meu estado emocional se encontra abalado. Enquanto eu descia com minha cã, as cigarras pousadas na árvore ao meu redor pareciam cantar para mim. Sim, porque cigarras têm variados tipos de canto, porém o que elas escolheram cantar enquanto eu passava, era um que parecia batida de coração. Tipo um suspense para um iminente ataque.

Enquanto meu coração acompanhava a batida daquele canto, asas com barulho de plástico vagabundo se debatiam em algum ambiente próximo.

Assustada fiquei, porém levemente tranquila ao perceber pelo meu instinto animal que ela se encontrava relativamente longe.

Enquanto passavam todas essas informações em minha mente, notei que me encontrava em uma posição corporal contraída e de certa forma engraçada, ao perceber que o porteiro me olhava intrigado.

- Ah. Errr. . rê rê... é que eu ouvi uma cigarra se debatendo.
- Cigarra ? Ah, ela tá ali oh.

E apanhou uma vassoura para cutucá-la. Cara, alguns seres humanos simplesmente não percebem o perigo dessa ação.

Pessoas, não - se - cutuca - um - ser - que - voa.

Por que ? Há algo pior do que um ser que voa se debatendo de cabeça para baixo ? SIM. Quando ele é virado de cabeça para cima e voa para se debater em você.

Gente. Sério. Sério.

Eu ? Olhei para baixo para não avistar o resultado daquela impensada atitude, acelerei muito meu passo, chamando a cã para me acompanhar o mais longe o possível do solícito porteiro.

Amém.

Da sua, Ana.

8.10.08

Você sabe que está cansada / confusa / estressada ou simplesmente caduca quando:

. tenta trancar a porta de casa com o botão de alarme do carro.

thanks.
Querido Diário,

- Hoje as cigarras cantaram a sinfonia do inferno.
- Tem um besouro marrom pernudo na garagem ao lado do carro, virado de cabeça para baixo. Tentarei acompanhar seus movimentos cautelosamente para não sofrer um ataque quando desprevenida ou simplesmente senti-lo espocar (é grande :/) debaixo do meu pé.

da sua, Ana
Querido Diário,

Segunda-feira a noite, uma barata entrou voando na minha casa. Não sei como, afinal moro num ambiente constantemente detetizado, no quinto andar e com tela na janela. Um amigo, porém, me consolou ao dizer que um ser que sobrevive a arma nuclear é pretty much capaz de tudo.

Ela, o ser nuclear, entrou voando pela cozinha enquanto eu comia meu mingau. Na hora pensei que era uma borboleta marrom, então continuei sentada com um certo nojinho, mas a comer. Meu irmão, porém, notou e alertou a família da presença de tal animal enorme pousado no liquidificador. Uma besta. Marrom. Com olhos no seu casco indestrutível.

O ser mais corajoso da casa (minha mãe) tampou o liquidificador, sacudiu-o até a barata cair na água já ali existente e "morrer" afogada perto do lixão do lado de fora do apê. Sim porque nunca ninguém mais ia querer tomar algo naquele liquidificador. E sim, "morrer". Porque sinceramente não duvido que ela ainda esteja viva, sobrevivendo ao afogamento simplesmente para assustar outros seres inocentes.

Eu, no quarto fechado, sobrevivi bem a tal batalha, obrigada, querido diário.

Terça-Feira, porém, estava fazendo aula de jazz, sagaz, com pliê, saltos, e piruetas incríveis, quando todos os besouros do mundo resolveram simplesmente invadir o recinto, e voar em rodopios debatentes.

Era assustador pensar como Deus criou um ser tão sem sentido. Que rodopia ao voar bebadamente, e acaba virando de cabeça para baixo, demorando cem anos para desvirar, enfim, sabe ? Mas aí lembrei que o ser humano também faz muito dessas coisas, de se meter em enrascadas ou de simplesmente rodopiar sem sair do lugar. Então fiquei mais tranquila.

Diário, um deles, enquanto eu compartilhava com a turma o relato da barata, simplesmente pousou no meu rabo-de-cavalo.

Após um terror, com frio na espinha seguido de mal de parkinson, eu fui salva por um peteleco de uma das integrantes da sala. E eu passo bem, obrigada.

Bom, vejo que esta saga primaveril será longa, querido diário.
I'll try to keep in touch.
xx

7.10.08

Pois criei uma reza para recitar todos os dias antes de sair de casa, e estar sempre protegida contra o mal que me cerca:

Bom dia, mãe-natureza !
Por mais um dia faço essa reza
para que nesta primavera
eu saia ilesa

os besouros
que triplicam de tamanho
e tanto habitam nossos chãos em tal época
evitem existir embaixo dos meus sapatos
quando caminho e eles eventualmente ali estalam

as cigarras
podem sim cantar em tamanha estridência
mas que evitem voar desgovernadamente
e bater em nossas cabeças

evitem também
colar na tela da minha janela
para reverberar seu canto em minha casa
e revelar seu corpanzil exposto verticalmente
ao abrirmos a cortina para retirá-la

e as baratas
que nos mais variados tamanhos,
nessa época, tanto se inspiram que voam
habitando na superfície da terra
(e não abaixo dela)

Mãe, que todos eles possam se conter
e evitar compartilhar tais momentos mágicos
com seres humanos que se tornam o oposto de tolerantes
quando em contato com esses singulares
seres sem ossos

Amém

2.10.08

my eyes are burning
my ears are bleeding
my mouth, just speeeeech

less.

30.9.08

Doris continua 'cof'iando.

'Muita fumaça, cooof.'
Sabe que a culpa é dela, pois ainda não parou de (se) inspirar.

'Vivo, logo (me) inspiro, oras ! COF.' 

Tendo como maior dilema querer muito inspirar para sempre sentir os perfumes, as flores, Doris não percebia que se não equilibrasse tal impulso, uma parada do Dolorido coração teria.

... tum tu ... tum tu ... ... tum ... tu ... ... tum ... ... ... tu ... cof ... piii

29.9.08

It does matter when I'm mad.
It does not when I'm just sad.

*inferno astral*
Mais um internet-celebrity válido !



:O aaaaaaaa uuuuuuu aaaaa uuuu
pessoas,

só às vezes tentem sair das aspas e dizer as coisas com suas próprias palavras.
só às vezes.

pra que tanto se limitar ?
vergonha ?
ou é simples falta de conteúdo criativo próprio ?


Good-looking 'mature men' material available in this movie !

E arrepiador de pêlos, lacrimante de como as letras do Abba sabem perceber coisitas femininas, em diversos momentos.
ai ai.

28.9.08

minha irmã acordou com estômago estragado
meu irmão, com o olho inchado

meu pai acordou aniversariando
minha mãe, organizando o comemorando

e eu simplesmente acordei.

26.9.08

que caia, chuva
e leve contigo

o acúmulo do seco

leve contigo então
o que não és tu,
mas se inspirou

e agora umedece
minha face

escorre, chuva, no meu rosto,
e, por favor,
me disfarce.

21.9.08

Queria registrar aqui, caros companheiros, uma primeira vez.

- Pela primeira vez na vida, fiz 3 shows seguidos. Um atrás do outro, 2 hrs cada. 6hrs de show. Com frio, chuva, cabelo suado e falta de retorno. Com amor, dedicação, e disciplina mergulhante.

Sobrevivi.

Agora resta saber como serão os 2 de hoje.

o.o'

18.9.08

- questão nerd -

quem acha que quando o ser loiro é engolido pela terra no 4o episódio da 5a temporada do Arquivo X, naquela parte que antecede a chamada do seriado, tem o mesmo som que os seres do south park fazem ao serem mortos, de um modo geral ?

MUITO engraçado.

raras pessoas compreenderão :/

13.9.08

então, eu assisti ao Cegueira.

E por haver já lido o livro (ressalto que ambos são igualmente suculentos), reafirmo:

a verdade está aqui dentro.

Can't u see ?

e tenho dito.
.em ritmo de forte coração.
s2

6.9.08

na minha terapia muito falava e então ouvia
conceitos fortes e alguns eu escrevia
sublinhava e refletia

agora eles ecoam em minha cabeça
com mil outros conceitos viciados
e se batem.

me diga que cura é essa
onde esses pensamentos são ou anulados
ou se traem

?

4.9.08

31.8.08

Cara, oq é o episódio sobre a britney spears na 12a temporada do South Park ?

Sério.

a quem interessar http://www.southparkstudios.com/
tem todos os episódios lá. o mencionado é o segundo da 12a.

bom diafragma.

30.8.08

Ultimamente, tenho pensado em várias ações possíveis de execução, utilizando verbos terminados no infinitivo, precedidos de um 'poderia'. Achei estranho e pensei que poderia pensar sobre eles.

Oh mas oq ? As ações parecem estar enfraquecidas ! D:

E porque Deus enfraquecidas, me perguntei. Percebi que, pela primeira vez, minha impulsividade suicida está sob considerável controle.

As ações não surgem mais em meu cérebro no imperativo. Elas aparecem em minha cabeça como sugestões simpáticas das possibilidades mundanas de um momento, as quais eu tenho livre escolha se as executo ou não.

Por mais raro e estranho (como tudo em minha vida ultimamente) que isso possa parecer, I'd say I like it. É. Aquela emoção intensa que precede uma ação impulsiva, emoção a qual me fazia ser assumidamente viciada na impulsividade, ocorre maior ainda ao executar uma coisa que de fato vai me deixar completa após concluí-la.

E isso definitivamente é muito mais viciante.

:)

24.8.08

_________________________________________________________

closure
_________________________________________________________
as pessoas gostam muito de dizer 'amanhã'.

claro está que o amanhã pode nunca surgir.

pra mim, quem diz amanhã quer na verdade dizer que no hoje a ação proposta não vale a pena o suficiente para ser efetivada.

então, para não descartar o ser propusente por completo, dizemos amanhã pois talvez no amanhã haja uma reconsideração.

talvez. e o ser em questão fica ali, de molho.

mais um item de comum desencontro humano.

obrigada e bom domingo.

adendo : e qnd vc retira a pessoa do molho e vê q nada mais há. que ela derreteu e se foi ?
tenso.

21.8.08

uma subida tricolor com conseqüente subida vidística.
Mágico.

Gostaria agora de achar algum grau de proporção para o estabanar.

Só pra base mesmo.

To see it coming.

etc.

pode ser ?

18.8.08

essa é a quarta vez que clico no botão de nova postagem porque há um gigante nó em meu peito afim de espocar e só agora consegui escrever alguma coisa. tive que apelar para o literal porque o vomitado terceirizado ou engraçadinho ou poetico'u'zinho tavam com preguiça. não sei exatamente porque mas estou com um turbilhão de novas e velhas informações conjuntas que mutuamente se complementam e confirmam o que eu realmente não queria. no momento me sinto numa confusa certeza em relação a como me portar. ultimamente me encontro em algo como striking back, mas um striking back triste sabe. é tipo uma falta de sabor que será recompensada com algo mais especial.

é. e é nisso que eu tenho que me agarrar para seguir em frente.

14.8.08

" Then there are those who care not about extraterrestrious, searching for meaning in other human beings. Rare and lucky are those who find it. For althought we may not be alone in the universe, in our own separate ways, on this planet, we are all . . . alone "

*música final com uma nota mais aguda*
she told me go
I said no

She told me don´t
so I won't

12.8.08

Meninas, cliquem AQUI.

. mais uma dica de utilidade pública para vocês, bloguespectadoras .

ps: hm, acho que também servem para os gays. vai. clica lá. não tenha vergonha.

enjoy !

11.8.08

Pode ser que a minha vida caminhe paralela à do meu time de futebol.

* alguém devolve o renato gaúcho ? *

:~

10.8.08

Estou começando a desconfiar que o Arquivo X é o paridor oficial dos atores de seriados americanos.

. não levando em conta a devida proporção cronológica, ressalto .

tem o irmão da Phoebe e a Janice do Friends, tem o George Constanza do Seinfield, tem o Monk, tem o pai e a irmã do Eric Forman do That 70s show, várias secundárias do Desperate Housewives, o gay do Sex and the City, o John do Lost, e mil outros que eu não lembro e/ou não assisti ainda.

adorável.

. apesar de saber que eles se intercalam entre as outras séries também, nunca vi uma série tão acumulada de seriadistas e também nunca vi arquivistas x tipo garganta profunda, ou o alien, ou a barata, ou o cara da fumaça aparecendo em outras séries .

" Mas oq ?"

tu tu tú tu tú tuuu

8.8.08

"Ele com um movimento feroz e linear, enviou o carneiro para o céu dos peludos."

Meu coração pode descansar tranquilo ao descobrir a existência de tal céu.

:P

6.8.08

um olhar.
e me apaixonei por exatos 3 segundos.

borboletas q saem dos pulsos e agora movem-se livres

larálarálaraaa
"Esta página contém itens não seguros.
Deseja exibi-los ?"

Insistente, Doris clicou em sim.

Sim, oh Dor..cof - respondeu a página.

4.8.08

Às vezes, sei o que acontece e sei prever o fim de uma estória
Como em alguns livros, posso já entender o fim pelo começo
Quando digo o final e dizem que nada disso será, eu só espero
E o tempo ecoa

ps: tem vezes que eu, de coração, queria estar errada :~

3.8.08

" Bebê sem cérebro morre ao se engasgar com leite com 1 ano e 8 meses
Após desafiar a medicina e sobreviver por um ano, oito meses e doze dias, a menina Marcela de Jesus Ferreira morreu na sexta-feira.
"

como assim, desafiar a medicina e sobreviver por um ano e oito meses ?

e os sem cérebro com 60 e x anos são oq ? apocalipse ?

oras francamente, que falta de informação.

tsc.
"all I need right now, is a real partner in crime"

31.7.08

carácoles, hoje eu olhei para uma árvore e lembrei:

. elas . estão . chegando .

GAH !
as asas que se entrebatem, seu canto estridente que às vezes harmoniza, o xixi jogado ao relento, seus esqueletos alaranjados (ou em movimento ! ou expelindo corpos @.@! ), a agulha gosmenta que sai de sua barriga, seu bumbum cheio de listras finalizado em um fiote soltador de líquidos !

. elas . estão . chegando .

O pior, sério, o PIOR é que nem pra elas serem como os outros insetos sabe ? que batem e saem voando. Elas pensam que oi, a pessoa é uma árvore e GRUDAM.

O mais aterrorizante é que a cada primavera que passa, elas estão maiores, e quando elas grudam em você com aquele corpanzil bêbado e desajeitado, é um verdadeiro convite para convulsão do pânico, com direito a gritos histéricos ou então a um extremo congelamento com a fala em tom tenso e de forma rápida a dizer o seguinte pedido de socorro:
"senhorqueestápassandonarua,removaesseanimaldaminhacamisetaporfavoooorrrrr?"

enfim.
elas estão chegando, caros.

se por acaso vocês avistarem uma Ana Voiss em pânico nesta primavera, não hesitem em ajudá-la. A saúde do seus ouvidos ou do seus braços (sim, eu aperto, unhisticamente) agradecem.

-------------
Momento interativo !
Clique no link a seguir para ver uma foto ilustrativa deste meu pânico em outros momentos de minha vida :
e por fim:

la la la laaa la la la laaa la laaa la la

la la la laaa la la la la la laaa la la la

laaa la la, la la la laaa la la, la la la

laaa la la la la !

lú ?
registering the momento when "why so serious" became "why so predictable"

or simply "why so *FUCKIN* boring"

damn
A vida é feita de maldições e magias. Qual o seu foco ?

hihihi

auto-ajuda. mas um pensamento bem sagaz.
x

30.7.08



Percebi que meu coração molengo tocável por qualquer coisa bocó virou de pedra após assistir um filme que todos dizem ser extremamente fofo, lágrimas e pah, e eu não ter sentido nada. NADA.

tá, mentira. Senti compaixão pelos seres gelatina e uma dor pelo planeta Terra no futuro.

snif.
seres humanos muito ocupados

muito ocupados seres tristes
ou
muito ocupados em serem tristes
ou
muito ocupados com seres tristes

confuso
.presa.
tante parolle
.stuck.

sem ações

28.7.08

Antes, eu era um ser humano com menos barreiras sentimentais.

Por exemplo, eu adoraria falar que - POF
Mas aparentemente não consigo prosseguir porque -POF

E aí eu perco o sentido para poder falar de forma pouco compreensível mas que eu tire de dentro de mim sem virar algo que vá me ferir e - POF

I want to believe coz the truth is out there. But he told me to trust no one and deny everything.

Thanks.

ah triste mas necessário, eu diria s2

E para amenizar o aperto surgido por acima, vi o filme do Coringa. Carácoles. Ele tá muito doidão nesse filme e eu estou encantada. Tudo bem, tinha o batman com aquele ator estiloso q adoro e o cara com cara de galã que fica sem pálpebra-e-como-assim-o-olho-dele-se-mantém-úmido? . Mas sério, ele cantarola sacudindo suas cicatrizes enquanto destrói, infinitamente e grandiosamente. E sacode a cabeça freakamente lambendo os lábios perguntando porque tantas regras. E aí a gente lembra que o ator dele morreu, e tem mais medo ainda :O

* and then man . smell . swell
* and then two movies in a roll
* and then he told her good night with deep meanings
* at the end, she wondered the size of her girlfriend's wardrobe

.

26.7.08

bichinho raro brasiliense * ~ .


s2
E que em um delírio febril resolvo falar sobre a estadia argentínica e o quão rodeada de energias positivas que foi.

chego lá de madrugada em Córdoba. Coincidiu de ser o dia do amigo, o que é levado muito a sério por lá. E eu achando que só o brasileiro achava qualquer motivo para celebrar como se não houvesse amanhã ho ho ho.

aliás, essa foi uma viagem de fato feita de coincidências. Encontrei seres angelicais que além de serem brasileiros super ajudadores, falavam um espanhol incrível o que foi de muita mão na roda. Encontrei seres também que mal encontro em Brasília e lá estavam por Buenos Aires, a chamar meu nome, do além (literalmente), como no cemitério da Recoleta, e em uma camiseteria aleatória.

Nesse cemitério, os mortos me chamaram em um buraco e eu caí. Sim. Eu caí, para variar. Acho que vários países pelo exterior tem como marca registrada meu joelho, brigada.

E aí provei a parte gastronômica argentina . As empanadas, o ferne, o bife de chorizo, o chocolate com churros. Fui uma boa turista.

Fora as igrejas, cemitério com seus corpos lacrados, monumentos patrimônio-histórico-culturais, e os albergues em si eram puro estilo.

E quando cantei, Liliana disse que "deves cantar porque tens muita luz" . E com essa muita luz iluminei momentos que pareciam escuros e nada me atingiu ha. Por fim, o presente de ano novo com presente design.

No final, uma respirada. Uma febre. E uma volta de 12hrs de duração. Um arquivo X. Um desmaio sonolento. E um post no blog.






com música :)

23.7.08

"
- ei, me acorda, ei, me acorda, ei, me acorda, . . .
*sacode, sacode*
- acordou ?
- não ! ei, me acorda.
*inspirada súbida*
-corações acelerados-

"

. post homenagem pró um mundo mais freak .

:)

ps: estou cercada de anjos . . . obrigada . s2

19.7.08

Em função do que pode valer a pena :


Bonitinho. Vale pra introduzir de forma leve a filosofia Schopenhauer.

Bocó seguidor de fórmulas

HORRÍVEL ! Pelo amor de Deus, evitem esse filme. Ninguém merece tanta encheção de lingüiça sobre um tema que eles não tinham nada para falar. NADA.

Faz rir às vezes. Mas de um modo geral: bocó.

Agora sim! Muito legal esse fato histórico narrado num filme tão prendedor com duas atrizes incríveis e um homem cortina. Sério, reparem. Válido.

xxxfimdanáliseresumoespirroxxx

18.7.08

o passado voltou né.

só para lembrar onde deveria ter ficado.

tsc.
. the art of being rejected .

something people should learn about
um curso a ser criado
qualcosa che dovrebbe essere inserita in modo tale che il suo oggetto è tollerato

14.7.08

Pensamento Noturno-pré-Murphy * ~ .

O sereno deve ser muito, mas muito feio.

(mãozinha)

12.7.08

Promessas * ~ .

O mundo está cheio de promessas: pessoas-promessas, juramentos-promessas, negócios-promessas, etc.

Sempre vislumbramos um futuro a ser cumprido, geralmente de forma positiva. E ao interagir com o outro essa idéia e de fato "colocá-la no papel", criamos uma promessa.

E ficamos lá, naquela análise de características promissoras que podem chegar a um lugar 'top' no futuro, ou simplesmente num lugar estável-acima-da-média, que pra muitos já satisfaz.

Mas esquecemos do presente. É no presente que cultivamos, plantamos, etc, para que essas promessas possam de fato ser concretizadas e que virem, no hoje de amanhã, algo consistente e coerente.

É . . o mundo está cheio de promessas. A gigante maioria mundial é tida como não cumprida.

E o que acontece com elas ? Para onde é direcionada a energia de frustração e desapontamento ?

tutútutútútuuu

11.7.08

como eu queria.

é possível isso se tornar mais difícil ?

e pulsa.

-tipo o cd pulse, com a luzinha-

oooooooooooooooooooooooo

9.7.08

Tempo * ~ .


* Ontem, revi, como em um filme, todo o processo do meu coração. Ou o processo deu sair da mente bebeza para a mente mais, digamos, adulta. Ele, zerado, redondo, pulsante, aos poucos, revirante, agonizante, sangüinário. E, meio que como conseqüência, pude também observar eu a assassinar o coração dos outros.

* Hoje, vi meu pai com cara de filho.

* Amanhã, . . . ?

8.7.08

Domingo, eu me apaixonei por um ser pequeno.

Ele devia ter uns dois anos, barriga de morrinho, nariz redondo bolota com sardas cobrindo, e cabelo lisão, cortado cogumelo, com a cor mais linda do mundo: cobre !

O mais sensacional é que o olho dele não era o azul que normalmente atinge os seres ruivos. Era da cor do cabelo ! GAH !

E toda vez que ele aparecia na minha frente e eu fazia menção de que iria arrancar o nariz ou a orelha dele (e obviamente levar algum pedaço para clonagem em casa), ele não saia correndo com terror e pânico, como a maioria das pessoas, mas me dava o sorriso mais doce do mundo e soltava um tímido e simpático (com leve medo, admito) "não".

E aí, ele foi embora.

Eu sem um pedaço da sua orelha, ele com um pedaço do meu coração.

:~
A complexidade do psicológico é até padronizável.
As personalidades, até previsíveis.

E a Psicologia é filha da puta.

.ijustwannaheal.

7.7.08

Terra Magazine

Segunda, 7 de julho de 2008, 07h51 Atualizada às 08h11

A lei seca e o direito de locomoção de todos nós
Rizzatto NunesDe São Paulo

Dou hoje minha opinião, que será estritamente jurídica sobre a atual lei seca que está dando o que falar. Deixo claro desde logo que, sinto-me bastante à vontade para tratar do assunto do modo como farei, porque na minha coluna de 04 de fevereiro deste ano, aqui publicada, tinha elogiado a posição do Governo Federal em proibir a venda de bebidas alcoólicas à beira das estradas, como continuo acreditando que é preciso ir além: penso que de deve proibir a venda desse tipo de bebida em supermercados, permitindo a venda apenas em locais específicos e autorizados em que só entrem maiores de idade; penso também que deve ser proibida toda publicidade de bebidas alcoólicas etc. O Estado deve mesmo fazer algo, mas sempre respeitando as garantias constitucionais de um verdadeiro Estado de Direito.

Quando era estudante da graduação em Direito na PUC/SP, nos idos dos anos setenta, sonhava - todos nós sonhávamos - um dia ver a democracia real instituída no Brasil.

A ditadura acabou, vieram as eleições livres e diretas e ficamos esperando. Quando surgiu a Constituição Federal de 1988, nossa esperança aumentou: afinal era o melhor, mais democrático, mais livre e mais claro e extenso texto de garantias ao cidadão jamais estabelecido antes por aqui. Uma luz verdadeira se acendia dentro do túnel.

Muito bem. O tempo passou e se percebe que ainda é difícil estabelecer-se um real Estado Democrático de Direito. Como estudante de direito já há 33 anos ficou triste e até, diria, um pouco descorçoado.

É incrível como o Poder, em todas as esferas, viola com seus procedimentos as garantias constitucionais. Foi-se a ditadura, mas permaneceu a mentalidade profundamente enraizada do autoritarismo.

As ações policiais, por exemplo, muitas vezes parecem ter como técnica de controle e investigação apenas e tão somente o espalhafatoso instrumento das blitze, que normalmente produzem muito pouco resultado além do espetáculo e de atrapalhar a vida dos cidadãos, que já têm muita dificuldade de se locomover pelas ruas das cidades.

Veja o caso da atual e chamada lei seca e das ações praticadas contra os cidadãos de bem. A pessoa é parada na via pública pela polícia, apenas e tão somente porque acabou de sair de um restaurante. Pergunto: qual o elemento objetivo e legal que permite esse tipo de abordagem? Nenhum. Não há suspeita, não há comportamento perigoso, não há desvio de conduta nem manobra capaz de causar dano a outrem.

Há, apenas, o fato de estar dirigindo um veículo após ter saído de um estabelecimento comercial ou nem isso: apenas porque está passando naquele local naquele momento. Isto é, trata-se de uma circunstância corriqueira de exercício da cidadania. Nessas condições a abordagem é ilegal. É assombroso, para dizer o mínimo.

De onde o Estado extrai o direito de evitar a locomoção de um pai de família que sai para jantar com sua esposa ou filhos? Ou com amigos, depois de um árduo dia de trabalho?

Dou exemplo de quando é possível a abordagem: se a pessoa entra cambaleando num veículo para dirigi-lo, eis o dado objetivo. Nesse caso o policial é testemunha ocular e tem o dever de agir. Ou, se o veículo faz zigue-zague na rua, é preciso pará-lo. Na verdade, se é para fazer blitz, então é muito mais simples manter policiais em cada porta de bar, danceteria, boate, discoteca, rave ou o que seja e impedir que o ébrio entre no veículo.

Mas, se a pessoa está na rua livremente, apenas exercendo seu direto de locomoção assegurado constitucionalmente, não pode ser abordado e nem se lhe pode impingir conduta que ele não se disponha a fazer, sem base objetiva para tanto, como por exemplo, exigir o teste do bafômetro.
Eu digo isso, apenas e tão somente porque as leis não estão sendo cumpridas. Vamos a elas, então.

Em primeiro lugar, leia a nova redação do artigo 306 do Código de Trânsito Brasileiro (CTB): "Art. 306. Conduzir veículo automotor, na via pública, estando com concentração de álcool por litro de sangue igual ou superior a 6 (seis) decigramas, ou sob a influência de qualquer outra substância psicoativa que determine dependência".

Muito bem. Trata-se de um crime de perigo, mas perigo concreto real, ao contrário do que as autoridades policiais estão adotando. O Professor Luiz Flávio Gomes, em artigo publicado no site Migalhas, deixou clara qual deve ser a interpretação do referido dispositivo.

Diz ele que não basta ter ingerido certa quantidade de álcool. É preciso também estar sob influência dele. Isso porque, conforme ensina o professor, a segunda parte da regra legal ("sob influência de qualquer outra substância...") deve valer também para a primeira parte que trata do álcool. E ele está certo, pois a disjuntiva "ou" remete o conteúdo da segundo parte do texto à primeira parte.

Dou também outra razão: a própria lei 11.705 que alterou o CTB assim o diz. O seu art. 7º alterou a lei 9.294/96 modificando a redação do art. 4º-A dessa lei, que passou a ter a seguinte dicção: "Art. 4º-A Na parte interna dos locais em que se vende bebida alcoólica, deverá ser afixado advertência escrita de forma legível e ostensiva de que é crime dirigir sob a influência de álcool, punível com detenção." (grifei)

Pergunto: o que significa "estar sob influência"? O professor Luiz Flávio Gomes responde: estar sob influência exige a exteriorização de um fato, de um plus que vai além da existência do álcool no corpo.

No caso em discussão, esse fato seria a direção anormal. No exemplo que dei acima, a direção em zigue-zague. Caso contrário, como diz o citado jurista, estar-se-ia violando o princípio constitucional implícito da ofensividade, pois a mera ingestão de álcool sem significar perigo concreto ainda que indeterminado, geraria tipo penal de um crime abstrato, algo inadmitido no direito.

E, em reforço lembro, citando mais uma vez o professor, que para a caracterização da infração administrativa, o art. 165 do CTB, também alterado, dispõe: "dirigir sob influência do álcool". Logo, se para a mera infração administrativa (que é o menos) há que se constata influência, para o crime (que é o mais) com muito maior razão.

Pergunto agora: Pode a polícia parar o veículo e submeter toda e qualquer pessoa ao exame do bafômetro? A resposta é não e por vários motivos. Primeiro, porque para abordar qualquer cidadão é preciso lei que autorize ou dado objetivo que permita. O direito de locomover-se livremente é assegurado constitucionalmente (Art. 5º, XV, CF).

Segundo, porque ainda que o motorista tenha ingerido álcool, isso não basta, pois deve se poder constatar um fato objetivo que gere perigo concreto, real decorrente de sua influência.

Terceiro, porque ninguém está obrigado a produzir provas contra si mesmo. Se em algum caso, puder se constatar a influência do álcool por elementos exteriorizados objetivamente, então, nesse caso, a prisão há de ser feita com base em testemunhas e não mera suspeita infundada do policial ou por ordem direta de seus superiores que criaram uma suspeita em abstrato e geral.

Porém, digo mais. Guardados os limites de cada caso de abordagem, pode se dar outro crime: o de abuso de autoridade. A lei 4.898 define os crimes de abuso de autoridade (ironicamente é uma Lei do período autoritário: 09 de dezembro de 1965). Dentre eles, destaco o atentado à liberdade de locomoção e o atentado à incolumidade física do indivíduo (art. 3º, "a" e "i").

É um crime doloso, que demanda ânimo de praticá-lo e pode se dar também por omissão, como demonstram, as várias decisões judiciais condenando administradores públicos em geral elencadas pelos Profs. Gilberto e Vladimir Passos de Freitas no livro "Abuso de Autoridade" (Publicado pela Editora Revista do Tribunais, 9ª, ed, SP:2001).

Assim, se o indivíduo não está praticando nenhum delito, a autoridade fiscal ou policial não pode levá-lo preso. O crime pode estar sendo cometido tanto pela autoridade que lhe prende, como pela que não lhe solta. É possível, pois, processar a autoridade pelo crime de abuso.

No assunto atual das blitze de lei seca, pode surgir uma dúvida em relação à quem está praticando o abuso, pois o policial civil ou militar está cumprindo ordem superiores. Nesse caso, se a ordem não é manifestamente ilegal, quem comete o crime é o comandante da operação ou seus superiores, que pode chegar até mesmo ao Secretário de Estado responsável, pois desses se espera o cumprimento estrito do sistema constitucional em vigor.

De todo modo, deixo anotado que o Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul, disse com todas as letras que "sendo exigível dos agentes da lei o conhecimento da garantia constitucional de que ninguém, salvo o flagrante, pode ser detido e preso a não ser por ordem da autoridade judiciária competente, seu descumprimento configura abuso de autoridade manifesto, que não exime de responsabilidade o superior e seus subordinados" (Decisão publicada na revista RJTJRS 170/138 e citada na obra dos irmãos Passos de Freitas).

O trágico nessa história é que, enquanto cidadãos de bem são abordados por policiais armados em alguns pontos das cidades, em outros pontos cidadãos de bem estão sendo assaltados por bandidos armados. Em comum a violência e o abandono.

Afora o fato de que esse tipo de blitz acaba deixando um rastro. Quando elas cessarem, porque cessarão, deixarão no ar a possibilidade da ilegal abordagem de quem quer que seja e, nesse momento, os policiais menos escrupulosos aproveitarão para "engordar o caixa". Mais um procedimento que facilita a corrupção. Outra coisa para se lamentar.

Não posso, como professor de Direito, depois de quase trinta anos de magistério, ficar tranqüilo com o que vejo. Aliás, nem eu nem ninguém que estude direito, porque ao invés de ver surgir o tão almejado Estado de Direito Democrático, o que assisto todo dia e cada vez mais é uso de um modelo de ação estatal que não tem na lei maior, infelizmente, sua base.

Rizzatto Nunes é mestre e doutor em Filosofia do Direito e livre-docente em Direito do Consumidor pela PUC/SP. É desembargador do Tribunal de Justiça de São Paulo. Autor de diversos livros, lançou recentemente o "Bê-a-bá do Consumidor" (Editora Método). Coordena um site voltado ao Direito do Consumidor e à Defesa da Cidadania, no qual tem seu blog: www.beabadoconsumidor.com.br

Fale com Rizzatto Nunes: rizzattonunes08@terra.com.br
Opiniões expressas aqui são de exclusiva responsabilidade do autor e não necessariamente estão de acordo com os parâmetros editoriais de Terra Magazine.

0ras. como ousam.
Merci pelas palavras Rizzato, Grazie por me fazer notar a existência delas Barboson .